NIK KERSHAW – Convites duplos para o Porto


Ligue já 760 200 373*

A cada 15 chamadas ganhe um convite duplo para assistir ao concerto na cidade do Porto.

9 de março – 21h30 – Coliseu do Porto

Há quem diga que é a voz eternamente adolescente que garante o sucesso de Nik Kershaw até aos dias de hoje. É verdade, mas a voz apenas não poderia garantir a contínua procura pelos seus concertos que ainda hoje surpreende todos, a começar por ele próprio.
Este simpático inglês tornou-se um ícone dos anos 80 ao explodir nas rádios e tops de todo o mundo com singles como I Wont Let The Sun Go Down On Me, Wouldnt It Be Good e The Riddle. Beneficiando da abertura da recém-chegada MTV, Nik Kershaw tornar-se-ia um dos nomes mais representativos da pop inglesa saída da new wave. E foi com uma estrondosa atuação no Live Aid de 1985 que se transformou numa estrela à escala global.
Em 1985 Nik era um dos compositores e músicos mais requisitados do universo pop anglo-americano, sendo convidado por Elton John, por exemplo, para tomar conta das guitarras no single Nikita. Na Banda Sonora do filme Pretty In Pink, de 1986, a sua canção Wouldnt It Be Good seria interpretada pelos Danny Hutton Hitters, uma banda em que o realizador do filme tinha interesse.
A prova da sua mestria na composição fez-se novamente sentir em 1991, quando Roger Daltrey, vocalista dos The Who e co-produtor e co-protagonista do filme Buddys Song, convida Nik a compôr o tema principal do filme. A interpretação I Am The One And Only, a cargo do protagonista Chesney Hawkes, monopolizou o 1º lugar do top inglês durante 5 semanas consecutivas nessa primavera.
Nos anos seguintes Nik dedicou-se maioritáriamente à escrita de canções e à produção de discos, colaborando com artistas como Tony Banks (teclista dos Genesis), Bonnie Tyler, os Hollies ou Gary Barlow (Take That).
O interesse recente e o revivalismo de sucesso de uma das décadas mais criativas e diversificadas de sempre da história de música popular, tem mantido Nik constantemente nos palcos, tanto a solo em versão acústica, como acompanhado por banda.
É com uma excelente banda que Nik Kershaw regressa a Portugal na primavera de 2018 para 2 concertos nos Coliseus. Dias 8 de março em Lisboa e 9 de março no Porto, Nik Kershaw ao vivo.

Este passatempo encontra-se a decorrer desde as 06h00 do dia 11 de fevereiro até às 23h59 do dia 25 de fevereiro, exceto se os prémios forem atribuídos antes da data final prevista para o passatempo.

Os prémios devem ser levantados na bilheteira, cerca de 1 hora antes do início do espetáculo, mediante a apresentação do nº de telefone vencedor. Em caso de dúvida, consulte as nossas Condições Gerais.

* Custo de chamada: 0,60€ + IVA


Este artigo foi publicado em Linha da Sorte e marcado com . Guarde o marcador para o permalink.